Estudo aponta que Rio de Janeiro tem potencial para receber R$ 54,8 bi em concessões e PPPs

esgoto na praia do siqueira
Saneamento é um dos setores com potencial para receber investimentos. Foto do esgoto jorrando na Praia do Siqueira, em Cabo Frio.

O Rio de Janeiro apresenta um potencial de R$ 54,8 bilhões em investimentos via concessões e Parcerias Público Privadas (PPPs) distribuídos em 142 oportunidades espalhadas por todas as regiões do estado. Os destaques são nos setores de saneamento, rodovias, coleta de lixo, iluminação pública, unidades de educação infantil e sistema prisional.

O estudo ‘Oportunidades para concessões e PPPs no estado e municípios do Rio de Janeiro’ foi apresentado no dia 15de maio, durante o 91º Encontro Nacional da Indústria da Construção (ENIC).

Para isso, é fundamental que os estados e municípios sigam seis pilares fundamentais para atração do agente privado para um investimento: segurança jurídica, capacidade técnica, gestão fiscal, legislação, financiamento e garantias, observa a  Federação da Indústria do Rio (Firjan)

O estudo aponta que no Rio de Janeiro quatro setores estão consolidados para a participação do setor privado e que podem gerar investimentos para o estado e municípios: Rodovias (R$ 23,4 bi), Resíduos Sólidos (R$ 18,2 bi), Água e Esgoto (R$ 7,6 bi) e Iluminação Pública (R$ 1,4). Há oportunidade também em duas áreas consideradas tendências: Unidades de Educação Infantil (R$ 2,2 bi) e Sistema Prisional (R$ 2,1 bi).

Conheça o estudo >>