Tubarão-baleia aparece no mar de Arraial do Cabo e encanta turistas; veja o vídeo

Tubarão-baleia no mar de Arraial do Cabo | Foto: Filipe Passaline
Um tubarão-baleia de aproximadamente 11 metros de comprimento foi filmado nesta terça-feira (24) no mar de Arraial do Cabo (RJ). O animal foi visto pelo fotógrafo Filipe Passaline, que fez a filmagem com um drone (veja no vídeo abaixo). Segundo o biólogo Eduardo Pimenta, trata-se de um animal manso, que sequer possui dentes, e que é muito comum nesta região do litoral brasileiro.
“O tubarão-baleia é o maior peixe dos oceanos, podendo chegar aos 15 metros de comprimento (as baleias, que podem ser ainda maiores, são mamíferos). Este animal visto em Arraial tem cerca de 11 metros. Apesar do tamanho, ele é dócil e não oferece risco aos banhistas, pois se alimenta de microorganismos e pequenos peixes. Ele é muito bonito, todo preto com pintas brancas. É muito comum vê-los nesta região, pois chegam mais perto da costa em busca de alimentos”, explica Pimenta.
O fotógrafo Filipe Passaline conta que estava fazendo uma sessão de fotos nas Prainhas do Pontal do Atalaia. Quando estava subindo as escadas de volta para o Pontal, viu o animal perto de uma embarcação no mar. Foi então que ligou o drone e começou a fazer as imagens.
“Quando vi o animal, pelo tamanho, pensei que fosse uma baleia. Liguei o drone e levei o equipamento a cerca de 1,8 Km de onde eu estava, na região conhecida como “Baixios” (um trecho de águas rasas entre o Pontal do Atalaia e a Ilha do Farol). Percebi que o animal foi entrando nos “Baixios”, até que a água ficou muito rasa. Neste momento ele fez a volta e foi em direção ao alto mar. Ao passar pelo Boqueirão ele afundou e sumiu”, conta Passaline.
Segundo Filipe, um grupo de turistas que estava nas escadas que dão acesso às Prainhas do Pontal parou para ver a cena.
“O pessoal que estava passando se juntou em volta de mim para ver a filmagem. Eles ficaram encantados. Tinha gente do Rio, de São Paulo e de outros lugares. Acharam fantástico, afinal, um flagrante como este é um momento raro”, diz o fotógrafo, que está acostumado a registrar cenas incríveis da natureza em Arraial.

COMPARTILHAR