Trade propõe reajuste na tarifação de ônibus de excursão em Cabo Frio

Trade propõe reajuste na tarifação de ônibus de excursão em Cabo Frio
Trade propõe reajuste na tarifação de ônibus de excursão em Cabo Frio

Trade propõe reajuste na tarifação de ônibus de excursão em Cabo FrioEstacionamento de ônibus de excursões em Cabo Frio (Foto de Cabo Frio Agora, reprodução)

Medida entraria em vigor ainda neste semestre e visa melhorar a qualidade do turismo na cidade

A partir de abril Cabo Frio deverá estar implantando um novo sistema para arrecadação de tarifa dos ônibus de excursão que visitam a cidade. A implantação do DAM (Documento de Arrecadação Municipal) foi uma das propostas apresentadas no I Encontro de Avaliação do Verão, realizado no dia 23 de fevereiro, no Malibu Palace Hotel.

Em reunião com o Coordenador Geral de Operações do Sistema de Estacionamento Rotativo Pago (Coserp), Marcelo do Espírito Santo, foi definida uma proposta de novo valor para a tarifação e a forma de fiscalização dos ônibus que entram na cidade. As propostas constarão em um documento que será apresentado ao prefeito Alair Corrêa nos próximos dias para criação de decretos, permitindo que todo o sistema esteja em pleno funcionamento ainda neste primeiro semestre.

De acordo com coordenador do Coserp, o processo para implantação do DAM é rápido, e até abril o sistema já poderá estar em funcionamento. Com o Documento de Arrecadação Municipal todo o pagamento de taxas e tarifas passa a ser on line, e não mais com dinheiro sendo entregue aos funcionários do estacionamento, como acontece hoje.

“Com o DAM o dono da casa de aluguel terá que acessar o sistema e oferecer todas as informações necessárias para permitir o acesso do ônibus de excursão na cidade. Este será o primeiro passo para começarmos a monitorar de forma mais eficaz a entrada desses turistas em Cabo Frio”, explicou a presidente do CVB, Maria Inês Oliveros.

Atualmente, um decreto municipal prevê que ônibus de excursão que tenham como destino as casas de aluguel pagam taxa de R$ 200 para entrar na cidade, mais diária de R$ 10. A proposta do grupo é equiparar o valor ao cobrado em Armação dos Búzios, em torno de R$ 1.600, mantendo as diárias em R$ 10. Já para vans e micro-ônibus o valor da taxa de entrada passaria para R$ 800 (hoje é de R$ 100).

“A princípio pode parecer que é aumento absurdo, mas não é. Na média, um ônibus de excursão tem cerca de 45 lugares, então essa nova tarifa custaria cerca de R$ 35,50 por pessoa, que ainda é um valor baixo, mas vai ajudar a mudar um pouco a qualidade do turista que tem vindo para Cabo Frio. Com isso, a prefeitura, que hoje arrecada em torno de R$ 22.600 com a atual tarifa de entrada dos ônibus de excursão, vai passar a arrecadar R$ 180.800, já que o estacionamento possui 113 vagas”, explicou Carlos Cunha, presidente da Associação de Hotéis.

Com relação ao transporte de alimentos e gás de cozinha nos ônibus, uma lei federal determina, entre outras coisas, que não é permitido transportar, conjuntamente com os alimentos, pessoas e animais, e que cabe à vigilância sanitária fazer a fiscalização do transporte.

Fonte Cristiane Zotich

{loadposition facebook}

COMPARTILHAR