Teste confirma potencial do pré-sal da Bacia de Campos

Teste confirma potencial do pré-sal da Bacia de Campos
Teste confirma potencial do pré-sal da Bacia de Campos

Teste confirma potencial do pré-sal da Bacia de Campos

Bloco BM-C-33 apresentou bons resultados na forma de óleo e gás

O pré-sal brasileiro segue dando mostras do seu potencial com a confirmação do potencial do bloco BM-C-33, no pré-sal da Bacia de Campos. A Repsol Sinopec anunciou a conclusão com sucesso do teste de formação do poço PdA-A2 (3-REPF-16D-RJS) na descoberta de Pão de Açúcar.

O procedimento foi realizado sob lâmina d’água de 2.821 metroes e profundidade total de 7.012 metros, uma das maiores já alcançadas no país, tendo sido conduzido para avaliar uma parte da coluna de hidrocarbonetos de mais de 300 metros presente na formação..

{loadposition tague}

Os bons resultados apareceram na forma de óleo e gás. Durante o teste, o poço produziu com uma vazão superior a 15 milhões de pés cúbicos de gás por dia, limitada pela capacidade da planta instalada na plataforma, e mais 3.330 barris de condensado por dia, com pequeno drawdown (diferencial de pressão).

O sucesso da operação já faz com que as sócias na área – Repsol Sinopec Brasil (35%), Statoil (35%) e Petrobrás (30%) – considerem testar outro poço, desta vez na descoberta de Seat, situada no mesmo bloco.

Petronotícias

 

{loadposition facebook}

COMPARTILHAR