Prolagos assume tratamento de esgoto de Arraial do Cabo

Prolagos assume tratamento de esgoto de Arraial do Cabo
Prolagos assume tratamento de esgoto de Arraial do Cabo

Prolagos assume tratamento de esgoto de Arraial do CaboEsgoto in natura despejado na Praia dos Anjos, em Arraial do Cabo (Foto O Globo)
Concessionária promete investir R$ 25 milhões  para recuperação das duas estações de tratamento e elevatórias de esgoto, além das redes existentes

A Prolagos – Concessionária de Água e Esgoto – assumiu a concessão dos serviços de esgotamento sanitário do município de Arraial do Cabo. O termo aditivo ao contrato de concessão foi assinado pelo Governo do Estado, Poder Concedente (municípios de Arraial do Cabo, Búzios, Cabo Frio, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia) e aprovado pela Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio de Janeiro (AGENERSA) e publicado no diário oficial no dia 1 de junho. A empresa do Grupo Aegea Saneamento promete investir cerca de R$ 25 milhões na universalização dos serviços de saneamento básico.

Agora, os serviços de coleta e o tratamento de esgoto do município passam a ser realizados pela concessionária, que promete modernizar e ampliar a infraestrutura já existente, com  a recuperação do sistema de rede separadora, que já existe no município, para ser utilizada na coleta do esgoto.

O termo de assunção, entre o município e a Prolagos, foi assinado no dia 8 de junho, marcando oficialmente o inicio da operação dos serviços. Neste primeiro momento, a concessionária irá colocar as Estações de Tratamento de Esgoto (ETE) e as Estações Elevatórias de Esgotos (EEE) em operação total, monitorando todo o processo de tratamento.

“O município possui duas estações de tratamento, no Centro e nos distritos de Figueira/Monte Alto, e sete estações elevatórias. Iremos recuperar essas unidades e monitorar de forma contínua, sempre atendendo as exigências das respectivas licenças, fator imprescindível para uma operação adequada”, explica Mário Márcio Gonçalves, coordenador de esgotamento sanitário da Prolagos.

Fonte: Gabriela Torres

{loadposition facebook}

 

COMPARTILHAR