Prefeito de Macaé quer mudanças na exploração do pré-sal

Prefeito de Macaé quer mudanças na exploração do pré-sal
Prefeito de Macaé quer mudanças na exploração do pré-sal

Prefeito de Macaé quer mudanças na exploração do pré-sal

Prefeito, que também preside a Ompetro,  diz que medida é necessária para impulsionar o setor e a economia brasileira

A falta de interesse pela 13° rodada de oferta de áreas para exploração de petróleo, promovida pela Agência Nacional do Petróleo (ANP), no dia sete deste mês, em que apenas 14% dos blocos foram arrematados, deixa evidente a crise que vive o setor. Além de áreas pouco atrativas e mudanças regulatórias, a maior barreira, de acordo com o prefeito, é a atual legislação que estabelece a Petrobras como operadora única do pré-sal com participação mínima de 30%.

Um entrave ao investimento e à retomada do desenvolvimento econômico nacional. Assim, o prefeito de Macaé e presidente da Organização dos Municípios Produtores de Petróleo (Ompetro), vê o cenário atual do modelo de exploração da camada do pré-sal

{loadposition tague}

– A lei inviabiliza o negócio onde estão as maiores reservas. Como a estatal não tem como arcar com os investimentos, o governo não promove leilões e a riqueza do pré-sal fica ali, submersa, intocada. O resultado é que o Brasil que, em 2007, sonhou em integrar a Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo), engatou a marcha ré – diz.

A Petrobras reduziu em 44% a meta de produção para os próximos cinco anos de 4,2 milhões de barris para 2,8 milhões em 2020. E anuncia corte de gastos, demissões, redução de investimentos, suspensão de obras e do aluguel de sondas de perfuração.

Na 13ª Rodada de Licitações da ANP, no Rio de Janeiro, foram arrematados 37 blocos que compreende uma área de 33.617,83 km², em nove setores, distribuídos em quatro bacias sedimentares: Parnaíba, Potiguar, Sergipe-Alagoas e Recôncavo.

Ao todo, 17 empresas de sete países participaram, todas tendo arrematado blocos, sendo 11 nacionais e seis de origem estrangeira, dos seguintes países: Canadá, França, Argentina, Bermudas, Panamá, China.

Fonte PMM

{loadposition facebook}

COMPARTILHAR