Petrobrás avalia propostas pela BR Distribuidora

Petrobrás avalia propostas pela BR Distribuidora
Petrobrás avalia propostas pela BR Distribuidora

Petrobrás avalia propostas pela BR Distribuidora

Estatal estuda repassar controle da subsidiária à iniciativa privada

A venda da BR Distribuidora pode ganhar novos contornos com o atual comando da Petrobrás, a cargo de Pedro Parente. A estatal já recebeu três propostas pela empresa, da Brookfield, do fundo GP Investiments e da Advent International, com a chance de haver um quarto concorrente, a Vitol, de origem holandesa, na disputa. De qualquer maneira, até agora a forma de venda avaliada internamente apontava a cessão de no máximo 49% de participação, mas o repasse do controle majoritário sobre a BR já está sendo estudado como uma possibilidade na Petrobrás.

O processo de negociação ainda deve demorar alguns meses, tendo em vista que a estatal tem elaborado diversos cenários para a venda, a partir de quadros em que a fatia seria adquirida em bloco ou subdividida em diversos ativos para melhor captura de valor. No entanto, o comando da companhia ainda não chegou a uma conclusão sobre a melhor maneira de levar o processo adiante, mas Parente já deixou claro que o que importa é conseguir o melhor valor possível.

A BR Distribuidora possui atualmente 34,9% do setor de distribuição de combustíveis, cerca de 8.200 postos de serviços com sua bandeira e mais de 1.200 lojas de conveniência, além de mais de dez mil grandes clientes entre indústrias, termoelétricas, companhias aéreas, frotas de veículos leves e pesados, entre outros.

Petronotícias
{loadposition facebook}

COMPARTILHAR