Para Ministério do Turismo, legalização de cassinos no País é uma prioridade

Para Ministério do Turismo, legalização de cassinos no País é uma prioridade
Para Ministério do Turismo, legalização de cassinos no País é uma prioridade

Para Ministério do Turismo, legalização de cassinos no País é uma prioridadePalácio Quitandinha (Petrópolis /RJ) foi construído em 1944 para ser o maior Hotel-Cassino da América do Sul (Reprodução)

O novo ministro do Turismo, Marx Beltrão, esteve reunido com a Associação Brasileira de Resorts (ABR) no dia 11 de outubro, em Brasília. Durante o encontro em que estive presente Luigi Rotunno, presidente da entidade e outros diretores, Beltrão ressaltou a importância de escutar as demandas do setor de turismo.

Rotunno apresentou a entidade e falou sobre os principais projetos de lei de interesse do turismo que tramitam atualmente na Câmara e no Senado, com destaque à legalização de cassinos, que o ministro afirmou como prioridade, comprometendo-se a acompanhar o seu desenvolvimento com o Governo Federal.

“A liberação de cassinos no Brasil é necessária e o projeto de lei que está em pauta no momento precisa ser revisto, uma vez que engloba diversas categorias de jogo. A liberação de caça-níqueis em nada vai ajudar no turismo brasileiro, já os cassinos, vão gerar empregos, aumentar o número de turistas e, mais importante, gerar recursos para o País”, declarou o ministro.

O projeto de lei que prevê a regulamentação do trabalho intermitente também foi abordado. “Essa demanda é de fundamental importância para o setor, que sofre com a contratação de mão de obra durante a alta temporada e em outras épocas específicas”. O ministro também comprometeu-se a estudar a questão para o novo formato da Lei Geral do Turismo.
“Vamos avaliar todas as pautas relevantes para o setor e fazer o possível para incluí-las na reformulação da Lei Geral do Turismo”, finalizou Beltrão.

{loadposition facebook}

COMPARTILHAR