Cicloativistas de Cabo Frio criam Movimento para pedir melhorias nas ciclovias da cidade

Ciclovia das Palmeiras vira passeio para pedestres, já que a calçada fica ocupada por mesas e cadeiras dos quiosques

O grupo, formado por ciclistas dos mais diversos segmentos voltou a se reunir, desta vez na sede do Instituto da Construção na tarde deste sábado, dia 11, para formalizar a criação do movimento, que passa a se chamar “Movimento Pedala Cabo Frio”. O objetivo é mobilizar a sociedade para tentar sensibilizar as autoridades municipais para a necessidade de criar espaço para o trânsito e estacionamento seguro de bicicletas na cidade de Cabo Frio.

wellingtonWellington Alves Vieira, organizador do passeio ciclístico Bike Night, diz que o grupo está em busca de mais ciclovias e bicicletários. “Queremos que o ciclista também tenha espaço na nossa cidade, que é muito bacana. Queremos a implantação de bicicletários nas praças, com a presença da Guarda Municipal, ou com câmaras filmando. A cidade merece, o turista vai ficar agradecido, as pessoas que trabalham, os moradores. Isso vai beneficiar a todos, além de proporcionar uma vida mais saudável e mais segurança no trânsito”, defende.

Wellington antecipa quais as primeiras reivindicações do Movimento. “Que pintem as ciclovias que existem, que são poucas, mas existem. Sendo assim, que sejam pintadas e sinalizadas para que possam ser mais utilizadas, trazendo inclusive mais segurança para os pedestres que, dessa forma, poderão identificar as áreas de tráfego de bicicletas”, argumenta.

Washington diz que a pintura e sinalização das ciclovias existentes é apenas uma primeira demanda do Movimento Pedala Cabo Frio, que além de ações de formação de opinião, também fará o encaminhamento de ofícios aos órgãos competentes solicitando a execução do trabalho.

Uma página no Facebook foi criada (www.facebook.com/pedalacabofrio) para dar visibilidade ao Movimento.

Niete Martinez

COMPARTILHAR