Bacia do Rio Paraíba do Sul adota novo sistema de captação de água

Municípios da Bacia do Rio Paraíba do Sul adotam novo sistema de captação de água
Municípios da Bacia do Rio Paraíba do Sul adotam novo sistema de captação de água

Municípios da Bacia do Rio Paraíba do Sul  adotam novo sistema de captação de água Rio Paraíba do Sul (Reprodução)

As medidas de contingência, estabelecidas em função da crise hídrica, abrangem oito municípios do estado que dependem do Rio Paraíba do Sul para o abastecimento de água. A instalação das motobombas e dos equipamentos foi estabelecida no início do ano para assegurar a captação mesmo com as reduções de vazão do rio, determinadas para preservar os níveis dos reservatórios da bacia.

A Estação de Tratamento de Água (ETA) de Belmonte receberá obras de instalação de um conjunto de motobombas e equipamentos para captação flutuante no Rio Paraíba do Sul.

{slider Leia Também}

Estudo da USP diz que Brasil é muito vulnerável a mudanças climáticas

{/sliders}

Em Volta Redonda, a instalação do novo sistema está a cargo da Proton Ltda, contratada através de licitação promovida pela Agência de Bacia do Rio Paraíba do Sul (Agevap), órgão executivo do Comitê para a Integração da Bacia Hidrográfica do Paraíba do Sul (Ceivap).

Além de Volta Redonda, Três Rios e Barra Mansa finalizaram o processo licitatório e vão receber o conjunto de motobombas e equipamentos de captação. Também serão beneficiados os municípios de Barra do Piraí, Vassouras, Sapucaia, São Fidélis e São João da Barra.

Da redação

{loadposition facebook}

COMPARTILHAR