10 de maio é Dia do Patife. Ed. 11/05

O Cara, Lula, escondeu-se atrás do túmulo da Marisa e está dizendo “Não sei de nada. Ela é a responsável pelo caso do apartamento no Guarujá”. Foi adiante, alegando que a PF plantou um documento no seu apartamento quando fizeram uma busca e apreensão. Não. Não. Não. Negou ter conhecimento do que acontecia. Enquanto cuidava dos problemas nacionais, a roubalheira corria solta e ele não percebeu. De que maneira irá convencer os eleitores, em 2018, de que não permitirá que a história se repita?

“Ele pode até mentir” disse o Juiz Moro. Mas, saberia fazer outra coisa?

O que deduz é que seu objetivo foi alcançado: reduziu o povo brasileiro à seu nível. Gente com curso superior sobrevive fazendo bolinhos para sobreviver. Suas rendas são se um pobre infeliz vivendo no meio do cerrado, sem esperança de uma vida melhor para ele e sua família. Deu-lhe um cartão magnético para sacar dinheiro num lugar onde não havia energia elétrica e, portanto, um banco. A vigarice começou em 2003 e ninguém percebeu? Ou foi mesmo burrice?

“Ele sabia de tudo. Ele controlava tudo” disse Duque. Agora se compreende porque comentou “Que País é esse?”, quando foi preso. Foi um comentário que sinalizou haver uma inversão de valores: prenderam os honestos corrompidos e deixaram solto o chefão do maior esquema de corrupção já visto em todo o mundo.

O ar de quem entendia do que se passava, óculos meia-lua equilibrados na ponta do nariz, gestos estudados, impressionou os líderes mundiais com que se reuniu. Mal sabiam eles que na sua cabeça doente o que pretendia era fazer algum negócio que renderia alguns milhões para ele, amigos do peito e seu partido.

A perda é estarrecedora. O que Hitler não conseguiu que era impor a política de “terra arrasada”, conseguiu-se aqui. Desesperança, incerteza são os nomes do resultado.

O Patife vai depor. Ele pode até mentir. Mas, uma coisa é certa: nunca mais irá passar um final de semana em Atibaia. O que o aguarda é um buraco no chão.

Ernesto Lindgren
CIDADE ONLINE
10/05/2017

COMPARTILHAR